segunda-feira, 23 de maio de 2011

CHAMADOS PELO QUE SOMOS. UNGIDOS PARA SER...

Bezaleel e Aholiab foram chamados porque eram artífices e expertos em construção civil, para construir o Tabernáculo. Deus havia acabado de proibir a Moisés fazer algo diferente do plano que Deus lhe mostrava e não obstante isto, ao chamar a estes dois artífices, também os ungiu com Espírito de Deus para INVENTAR.

Pergunto. Si não podiam mudar nada do plano original, para qué Deus chamava artífices sábios e ainda os ungiu para que pudessem inventar?

(Gn. 35:30-35).

Precisamos ter muito em conta isto: Deus nos chama pelo que somos: Paulo era experto em entrar aos governos e em perseguir cristãos. Deus o chamou para sofrer como cristão, e para falar com os governantes. Pedro era pescador, Deus o chamou para pescar homens. Por outro lado, Ele nos unge para ser o que nunca fomos ou jamais éramos.

Não imaginemos que Deus não valoriza o que éramos antes de reconhece-lo Senhor de nossas vidas. Claro que Ele tem muito em conta todo o nosso passado. Porém, no que não somos e carecemos de habilidade, Ele nos unge para ser.

Mas, então, para que nos converter em inventores ou criadores do que Ele já inventou ou criou? Bom, sempre haverá um "toque humano" que Deus abençoa e deseja agregar na Sua Obra, mas tem que ser Obra de Deus, não a nossa; e devemos primeiramente ter o Seu Plano, logo, com a Sua unção poderemos amplia-lo para a Sua gloria e a nossa felicidade e utilidade. 

Autor: Apóstolo Tito Berry